O design considera o todo: essência e aparência. O conjunto da obra deve ser considerado, onde os elementos intangíveis são tão imprescindíveis quanto os tangíveis.

Quando consideramos somente os dados palpáveis, tais como silhueta, cor, tamanho, peso, aroma, textura, etc., incorremos no risco de errarmos nos aspectos mais sutis, tornando o projeto vulnerável, pouco durável e volátil.

Reputar a essência, compreende penetrar em aspectos não perecíveis, tais como valores, causas e finalidades da obra.

Desta forma a visão ampla e em profundidade deve ser utilizada na decisão.

Não aceite projetos superficiais. O estudo requer aprofundamento e compromisso com o todo.

Tags

Comments are closed

×